24 de set de 2015

Um novo ataque a uma agência bancária

Um novo ataque a uma agência bancária do Bradesco, em 19/09/2015, ocorreu dessa vez em Porto Alegre.


Em um comunicado enviado à mídia anarquista em 22/09/2015, aqueles que reivindicaram a autoria desse ataque diz assim:

"Prendemos fogo na sala de caixas eletrônicos do banco Bradesco, no bairro Rio Branco, em Porto Alegre, durante a chuva da noite de sábado 19 de agosto."

"Seguimos esta proposta ação-comunicado, porque não queremos ficar só nas palavras."

"Somos domesticados com mentiras, com a doença de ver em todo o meio natural cifrões. O capitalismo democrático nos educa na escola, com as leis e a tiros, de que “o dinheiro é o mais importante”. Para este modo de “vida”, a terra, a água, as vidas, tudo são mercadorias, nós, nosso tempo, nossa vida."

19 de set de 2015

Manifesto do MOVIMENTO INSURGENTE ANARQUISTA - MIA

O Manifesto do MIA foi enviado à mídia anarquista entre 13/09 e 15/09 de 2015. Leiam alguns trechos do Manifesto:

"Na noite do dia 13 de Setembro, incendiamos novamente uma agência bancária. Desta vez, Itaú. Banco que apenas no segundo trimestre de 2015 obteve um lucro pornográfico de R$ 5,9 bilhões."


"Aos que se inspirarem em nossas ações, conclamamos que se organizem regionalmente e iniciem suas ações. Duas pessoas e alguns litros de gasolina podem impor à ordem social um caos que mil ou cem mil pessoas pacíficas e obedientes jamais o fariam."

"Organizem-se em células autônomas do MIA ou qualquer outra insurgência revolucionária. Façam do fogo e da pólvora o vosso grito de guerra."

Leiam o texto do Manifesto na íntegra em:

17 de set de 2015

Ataques do MOVIMENTO INSURGENTE ANARQUISTA em SP


O grupo que se chama de MOVIMENTO INSURGENTE ANARQUISTA - MIA reivindicou os recentes ataques a agências bancárias do Bradesco e do Itaú em São José dos Campos (SP).

Uma bomba incendiária colocada anteriormente numa agência do Bradesco falhou, mas na noite de 13 de setembro outro ataque com bomba incendiária, dessa vez numa agência do Bradesco, teve sucesso...


Vejam o panfleto que foi espalhado nos locais atacados: