26 de mar de 2014

Uma grande ideia!

Uma grande ideia do designer "Nazareno Guerrilha": uma carteirinha de Bolsa Protesto, para botarmos ordem nessa bagunça institucionalizada pré-...Copa* (que Não Vai Ter...*)!...

https://www.flickr.com/photos/artesubversivaparatodos/12503352475/

24 de mar de 2014

Entrevista com o designer André "Nazareno Guerrilha" Buika

O designer André Buika, que usa o nick "Nazareno Guerrilha" em seu site ArteSubversivaParaTodos, é um ativista vegano abolicionista, e esta é uma entrevista "sobre direitos animais, ativismo, arte e censura" feita por Renata Takahashi, do projeto Camaleão:

Entrevistamos o designer vegano (e ativista do CAMALEÃO) André Buika

22 de mar de 2014

Green Death - vol. 1

Pra quem já conhece ou quer conhecer a organização ecoterrorista Green Death (que é formada por lobisomens!), e que faz parte do universo de "Fúria Lupina", do escritor brasileiro Alfer Medeiros:

1. uma resenha de "Green Death - vol. 1", no blog Biblioteca do Terror...

2. o próprio livro, para baixar (PDF)...

"Green Death - vol. 1" em PDF

21 de mar de 2014

A Ideologia da Vitimização

Este post, "A Ideologia da Vitimização", que é a tradução de um artigo de Feral Faun* que está disponível no blog A Vida Nos Bosques (e que foi traduzido pelo próprio autor desse blog), é uma postagem para ser lida/pensada como uma ajudinha para abandonarmos certas esquerdices que só serviram para mal-humorar e desvitalizar o(s) anarquismo(s), e começa assim:

" Em Nova Orleans, próximo ao French Quarter, há um grafite em uma parede que diz: 'Homens Estupram.' Eu costumava passar por ele quase todos os dias. Na primeira vez que eu vi, me deixou puto porque eu sabia que quem fez o grafite me definiria como um 'homem' e eu nunca desejei estuprar ninguém. Nem nenhum dos meus incriminados amigos. Mas, como eu fui encontrando este dogma em spray todos os dias, as razões para minha raiva mudaram. Eu reconheci este dogma como uma oração para a versão feminista da ideologia da vitimização – uma ideologia que promove medo, fraqueza individual (e consequentemente dependência em grupos de suporte baseados em ideologias e em proteções paternalistas de autoridades) e cegueira para todas as realidades e interpretações de experiências que não conformam com a visão de alguém sobre si mesmo como vítima."

Leia o post todo aqui:


"Para quem não conhece, o *Feral Faun é um dos pseudônimos de um filósofo anarquista, também conhecido pelos pseudônimos Wolfi Landstreicher ou Apio Ludd. Seus escritos exerceram influência principalmente entre os anarquistas insurrecionais, anarquistas verdes, anarco-primitivistas, e primitivistas 'ferais'. Ele usou este pseudônimo principalmente durante a década de 80, e creio que ninguém sabe quem realmente é esta pessoa, só os seus editores."

20 de mar de 2014

Entrevista com o autor de "O Niilismo Social..."

O historiador Fabrício Monteiro é o autor de “O Niilismo Social: anarquistas e terroristas no século XIX” (Annablume Editora), e esta é uma entrevista sobre essa obra, feita por Moésio Rebouças, da ANA (Agência de Notícias Anarquistas), e que tá lá no blog do Coletivo Mundo Ácrata:

Entrevista com o autor de “O Niilismo Social: anarquistas e terroristas no século XIX"

19 de mar de 2014

Não Vai Ter Copa

"Não Vai Ter Copa" é uma campanha que foi lançada pelo grupo Anonymous.
Conheça os motivos dessa campanha em..:

A Copa que o Governo do Brasil não Mostra a Você

18 de mar de 2014

A Escravidão Venceu no Brasil.

A Escravidão Venceu no Brasil. Nunca foi Abolida...

Entrevista de Eduardo Viveiros de Castro* feita por Alexandra Lucas Coelho para o Público (Portugal).

"... Fome, secas, epidemias, matanças: a Terra aproxima-se do apocalipse. Talvez daqui a 50 anos nem faça sentido falar em Brasil, como Estado-nação. Entretanto, há que resistir ao avanço do capitalismo. As redes sociais são uma nova hipótese de insurreição. Presente, passado e futuro, segundo um dos maiores pensadores brasileiros..."

Veja no link:


"... *Eduardo Viveiros de Castro, 62 anos, é o mais reconhecido e discutido antropólogo do Brasil. Acha que 'a ditadura brasileira não acabou', evoluiu para uma 'democracia consentida'. Vê nas redes sociais, onde tem milhares de seguidores, a hipótese de uma nova espécie de guerrilha, ou resistência."

17 de mar de 2014

Green Death - Ecoterrorismo Licantrópico

Quem já conhece "Fúria Lupina - Brasil", e/ou a sequência "Fúria Lupina - América Central", ambos escritos por Alfer Medeiros, está familiarizado com a ideia da organização Green Death, uma organização ecoterrorista formada por... lobisomens!
Pra quem não conhece, fica a dica: é literatura de horror legitimamente original, da boa e brasileira.

 









Além disso, dá para ir conhecendo logo seu sip-off "Green Death - Ecoterrorismo Licantrópico", baixando lá pelo blog Fúria Lupina...

Green Death - Ecoterrorismo Licantrópico vol. 0

15 de mar de 2014

Anarquismo - um novo modelo...

"Anarquismo - um novo modelo capaz de substituir a esquerda e a direita" é o título de uma postagem que encontrei no "Eco Parcerias"...

"Anarquismo - um novo modelo..."

Vale muito pensar nisso... Vale muito pensar assim!

14 de mar de 2014

Pequena Introdução às Ideias Libertárias

O "Pequena Introdução às Ideias Libertárias" é um artigo de Teotonio Simões publicado em 1999 que trata destes assuntos:



  • O Que é o Anarquismo
  • Rebelião Radical
  • Ação Direta
  • Anticapitalismo
  • Socialismo
  • Individualismo
  • Organização
  • Internacionalismo
  • Autogestão
  • Antiga Aspiração
  • Anarquistas
  • Primeiro de Maio
  • Libertários no Brasil
  • Comunidades
  • Anarco-sindicalismo
  • Repressão
  • Anarquismo Hoje
  • Sobre esta Publicação
  • 13 de mar de 2014

    Ação Eco-Anarquista: A Ação Direta

    As ações dos ativistas ambientalistas ou ecologistas radicais, anarcoprimitivistas ou anarquistas verdes e outros anarquistas tendem a seguir a estratégia da ação direta.
    É assim que os movimentos que se organizam por grupo de afinidade tendem a agir, como por exemplo o "CrimethInc." (veja links   em espanhol   ou   em   inglês) ou o "Individualidades tendiendo a lo salvaje" (veja links em espanhol Nota a la entrevista hecha a... e Búsqueda de "por ... (Its)").
    E se você quer indicações do funcionamento da estratégia da ação direta, experimente começar pelas indicações encontradas na Iniciativa Protopia (ainda no Wikia):

    12 de mar de 2014

    Sociedade Desescolarizada, de Ivan Illich

    A Editora Deriva publicou "Sociedade Desescolarizada", do filósofo anarquista (cristão?) austríaco Ivan Illich:

    "Sociedade Desescolarizada"



    "Enquanto Paulo Freire e seus seguidores pensavam na possibilidade de uma pedagogia do oprimido, Ivan Illich denunciava a opressão da pedagogia, apontando o ensino escolar como o principal expropriador da autonomia individual.
     / 
    Esse ataque à escola (...), tanto da direita como da esquerda, lhe rendeu um ostracismo intelectual que só agora começa a se romper com o chamado movimento antiglobalização e o pensamento ecológico radical que direta ou indiretamente foram influenciados pelas críticas do velho padre austríaco."

    A Deriva também produziu um cartaz em homenagem a esse autor e à sua obra:


    "Por que toda escola parece com uma prisão?"
















    “A escola se baseia num  ritual frustrante sem fim e confina boa parte de nossas vidas em um ambiente disciplinar e autoritário que necessita de imensos muros e grades para impedir que seus alunos fujam.
     / 
    São possíveis e necessárias outras formas de aprender, ensinar e ver o mundo fora da escola. Basta confiarmos nas nossas relações e experiências além dos muros.”

    O cartaz "Por que toda escola parece com uma prisão?" foi disponibilizado em PDF pela própria Editora:

    11 de mar de 2014

    Norte Anarquista

    O(s) anarquismo(s) vai/vão (re)encontra(ndo) os caminhos que levam até sua organizAção na Região Norte do Brasil.
    Em Belém do Pará foi fundado o Núcleo Anarquista Resistência Cabana (NARC), um grupo "anarquista especifista" (que segue a tradição/tendência de Bakunin e Malatesta).
    Conheça seu site:

    NARC (Belém do Pará)

    E leia sua "Declaração de Princípios":
    NARC: Declaração de Princípios

    10 de mar de 2014

    Glossário ambientalista

    O site Planeta Sustentável é muito do tipo "desenvolvimento social com responsabilidade ambiental" para o meu gosto, mas tem um recurso muito útil para as leituras sobre o ambientalismo:


    Nesse Glossário você pode encontrar as definições de termos e expressões que aparecem sempre em suas leituras por aí e aqui como, por exemplo, "Amazônia Legal", "Aquecimento global", "Biodiversidade", "Camada de ozônio", "Desertos verdes", "Earth First!", "Ecovila", "Efeito estufa", etc...

    9 de mar de 2014

    "Para entender Belo Monte"

    Um pequeno artigo, que achei no site Educação Ambiental Crítica:


    ... e que pode ajudar para nos localizarmos e posicionarmos nessa polêmica que tantos interesses tentam tornar ainda mais confusa.

    8 de mar de 2014

    Todo dia é dia..!

    Femen's day: as congratulações "to everyone", do movimento FEMEN, no Dia Internacional da Mulher..:

    Be FEMEN everyday!

    Feminismo? Caridade?

    Você já ouviu falar em Maria Lacerda de Moura?
    Essa escritora anarquista brasileira, nascida em 1887 e falecida em 1945, parece escrever nos dias de hoje... É assim que começa, por exemplo, o seu pequeno mas intenso artigo "Feminismo? Caridade?" (que encontramos na Revista Utopia n° 9):

    "A palavra 'feminismo', de significação elástica, deturpada, corrompida, mal interpretada, já não diz nada das reivindicações feministas. Resvalou para o ridículo, numa concepção vaga, adaptada incondicionalmente a tudo quanto se refere à mulher. Em qualquer gazela, a cada passo, vemos a expressão 'vitórias do feminismo' – referente, às vezes, a uma simples questão de modas! Ocupar uma posição de destaque em qualquer repartição pública, cortar os cabelos 'à la garçonne', viajar só, estudar em academias, publicar um livro de versos, ser 'diseuse', divorciar-se três ou quatro vezes, pelas colunas do 'Para Todos', atravessar a nado o Canal da Mancha, ser campeã de qualquer esporte. – tudo isso consiste 'nas vitórias do feminismo', vitórias que nada significam perante o problema da emancipação integral da mulher."
    O artigo segue com pequenas divisões que levam estes subtítulos: 

    A verdadeira emancipação é posta de lado / A solução para os problemas humanos não é a caridade / Gastam somas fabulosas com a construção de igrejas e exploram torpemente os criados / Chora ante o "écran" do cinema e fica impassível ante as injustiças sociais / Civilização de protetores e protegidos / Adormecida dentro dos trapos / Divertimentos à custa da dor / As várias superstições / Religiões - instrumentos de explorações dos incautos / Representação parlamentar: circo de cavalinhos / Feminismo de votos e feminismo de caridades

    Vale mesmo procurar informações sobre essa escritora brasileira, hoje quase esquecida, mas que chegou a ser internacionalmente conhecida por seu ativismo e por sua obra.

    Curiosidade: a banda gaúcha de punk rock Os Replicantes, em seu álbum 2010, gravaram uma faixa que se chama "Maria Lacerda", em homenagem à Maria Lacerda de Moura:

    Free Pussy Riot

    Algumas mulheres do coletivo performático/musical (oi! / street punk / riot grrrl) Pussy Riot foram presas na Rússia em 2012, após uma intervenção cultural/política de crítica à sociedade e ao governo russo, o que levou ativistas e artistas libertários de todo mundo a lançarem a campanha "Free Pussy Riot".





    O movimento FEMEN colaborou (à sua maneira...) com campanha "Free Pussy Riot":












    O coletivo Pussy Riot continuou e continua com suas ações.

    7 de mar de 2014

    Organização Eco-Anarquista: Grupos de Afinidade

    A organização de ativistas ambientalistas ou ecologistas radicais, anarcoprimitivistas ou anarquistas verdes e outros anarquistas tem seguido a tendência da organização por grupo de afinidade.
    É assim que se organizam, por exemplo, movimentos como o "Earth First!" (veja o post Por que o "Earth First!"?) ou o "CrimethInc." (veja links   em espanhol   ou   em   inglês).
    Mas você quer indicações de como formar um grupo de afinidade? Então experimente começar pelas indicações da Iniciativa Protopia (ainda no Wikia):

    6 de mar de 2014

    Anarquia sem hífens

    Obs 1... antes/depois deste post (feita hoje, em 04/11/2014): o 1º nome deste blog era "Eco-Anarquismo", e esse nome ainda está no endereço que tive de escolher como está lá, sem o hífen; depois de novas leituras, de acompanhar ou participar de algumas discussões em fóruns, e também de algumas conversas com colegas e amigos, achei que "Eco-Anarquismo" já não expressava bem minha visão de mundo, de vida e de "ação 'política'", e resolvi mudar o nome do blog para "REVOLTA FERAL", acho que em julho ou agosto deste ano; o post como segue foi feito antes disso. Obs 2... e, depois disso (agora, no final de ano), meio que (re)voltei pro nome "O Eco-Anarquista"... oras, esses nomes!

    Apesar de ter posto o prefixo "Eco" e um hífen antes de "Anarquismo" no título deste blog, gosto muito da posição defendida por Karl Hess no artigo "Anarquia sem hífens", em que ele afirma: "Eu sou um anarquista." "Mas não há hífen após o anarquista."
    Tudo bem gostar de Karl Hess e do ecologismo (ele, aliás, também gostava do ecologismo, e muito), acho, mas tomei o cuidado de não por o hífen após, e sim antes...
    Bem, acho também que é melhor cada um fazer sua própria leitura de "Anarquia sem hífens", não é?


    Karl Hess foi um filósofo e ativista norte-americano que influenciou desde o pensamento político liberal conservador até o pensamento político socialista libertário (ou anarcossocialista (olha o hífen oculto!)), passando pelo pensamento político libertariano (e anarco-capitalista (olha o hífen ostensivo!)), e também os pensamentos ecologista e anti-tecnológico.
    Se alguém quiser conhecer um pouco mais sobre Karl Hess, pode clicar nestes links:

    Em Português         Em  Espanhol         Em    Inglês

    5 de mar de 2014

    Por que o "Earth First!"?

    Você conhece o WWF e o Greenpeace, não conhece?
    E o "Earth First"?
    Pra quem apoia a ação direta em defesa da natureza e do meio ambiente, mas não conhece o "Earth First!", é bom dar uma olhada nesta matéria do Centro de Mídia Independente:
    Por que o "Earth First!"?

    E se você sabe um pouco de inglês, pode conhecer mais no próprio site desse movimento (vá no link)...

    4 de mar de 2014

    Futuro Primitivo

    O livro "Futuro Primitivo", do filósofo anarcoprimitivista norte-americano John Zerzan, disponibilizado em PDF pelo Coletivo Sabotagem...

    3 de mar de 2014

    2014: é pra comemorar?

    Em ano de Copa do Mundo os brasileiros vestem colorido e comemoram um carnaval que dura o ano todo.
    Em um ano em que a Copa do Mundo será no Brasil, então...
    Por isso, é bom deixarmos de lado as "besteirinhas" (!?!) de sempre, como estas:




    Secas e enchentes
    ... e mais estas..:
     
    Queimadas e desmatamento na Amazônia


    E vamos comemorar, durante todo o ano todo e até que o mundo acabe, que a TV tá mandando...(vamos?)